(Especial) Qual é o plano da Intel para voltar a meter a AMD no lugar?

Como deve saber, a AMD fez uma recuperação fantástica no mercado de PCs! No entanto, a verdade é que muito disto se deveu a vários falhanços da rival Intel, nomeadamente quando começamos a falar na passagem para o processo de 10nm.

Dito isto, a Intel já está um pouco mais organizada. Ainda assim, mesmo tendo em conta todos os seus recursos, a gigante azul dos micro-processadores apenas irá conseguir apanhar a AMD em 2021 ou 2022… Isto se conseguir!



(Especial) Qual é o plano da Intel para voltar a meter a AMD no lugar?

Intel vs AMD

Portanto, de forma um pouco infeliz, a estratégia atual da Intel continua a ser inundar o mercado com chips de 14nm (14nm+++). Ou seja, os novos Intel Core 10000 vão continuar a ser baseados na mesma arquitetura Skylake que podemos encontrar nos Coffee Lake e Kaby Lake. Contudo, já vão trazer uma maior número de núcleos físicos. (10 núcleos e 20 threads no i9-10900)

Muito resumidamente, apesar desta aposta no já muito eficiente processo de 14nm, a Intel não consegue competir na arquitetura. No entanto, a gigante dos micro-processadores está sentada em cima de uma autêntica montanha de dinheiro. Recursos que vão obviamente ser utilizados para parar os avanços da AMD.

Primeiro Passo! -> A Intel já prometeu o investimento de 3 mil milhões de dólares para rivalizar com a AMD

i9-10900

O objetivo da empresa é baixar preços, lançar campanhas aliciantes para os consumidores, entre outras coisas. Para de certa forma conseguir ganhar algum tempo até chegar às novas arquiteturas e afamado processo de produção de 10nm.

Em suma, como a Intel ainda tem a reputação e contratos do seu lado, é provável que esta estratégia tenha bastante sucesso.

Segundo Passo -> A segunda opção passa por separar a sua arquitetura do processo de produção.

Ou seja, adotar a mesma estratégia da AMD, ao utilizar diversos componentes de linhas de produção diferentes no mesmo exato chip (Algo muito improvável).

Ou simplesmente escolher o processo de produção tendo em conta o mercado alvo. (Algo que até já está mais ou menos planeado). Afinal de contas, em 2020 já vamos ter processadores de 10nm no mercado de portáteis, enquanto o mundo dos servidores e PCs Desktop continua nos 14nm.

Qual é o futuro da Intel no mercado? Como é que irá rivalizar com a AMD nos próximos anos?

Já não é novidade para ninguém que a Intel está e vai continuar a perder quota de mercado para a AMD. Ao fim ao cabo, a empresa vai ter cada vez mais problemas nas suas tentativas de tentar acompanhar a TSMC. (A maior fabricante de semi-condutores do planeta).

Por isso, é muito provável que a Intel fique agarrada ao seu processo de 14nm até pelo menos 2021. Contudo, caso não saiba, os 10nm da Intel são superiores aos 7nm da TSMC! Será que está aqui a salvação da empresa? Não…

Quando os 10nm chegarem ao mercado para rebentar com isto tudo, já a TSMC vai andar a brincar aos 5nm. É por isto que a Intel se está a tentar afastar deste tipo de mercado de consumo, para se tornar numa empresa centrada nos dados.

Ou seja, a Intel vai começar a investir forte e feio em segmentos emergentes como o IoT, os centros de dados, e redes de comunicação. Ah, e claro… O mundo das placas gráficas com as novas Intel Xe.

A Intel quer entrar criar um mundo em que consiga meter as suas mãos em tudo! Nos CPUs, GPUs, Comunicações Sem Fios, Memória, etc… Isto porque o mercado está a mudar muito, e em boa verdade, a AMD nunca irá conseguir competir com a rival nestes novos segmentos.

Conclusão -> Qual é o plano da Intel?

A Intel vai apanhar a AMD, e provavelmente até ultrapassá-la. Contudo, não irá ser no mercado tradicional. O foco da Intel está agora no ‘Big Data’, IA, Aprendizagem Máquina, etc…


(Especial) Qual é o plano da Intel para voltar a meter a AMD no lugar? – Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

 

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário