Effaclar Spotscan: a app que lhe diz como está a sua pele!

Quando normalmente falamos na Leak de inteligência artificial adaptada aos smartphones, o foco normalmente é a fotografia. De facto dá uma grande ajuda na obtenção das imagens perfeitas. No entanto, ela tem a capacidade de fazer muito mais. Pode ajudar-nos a melhorar a autonomia do nosso equipamento, o desempenho e até a fazer mais pela nossa saúde. Sim, é que uma nova app desenvolvida pela La Roche-Posay consegue indicar-nos, por exemplo, o nível de acne da nossa pele, tudo com a ajuda da inteligência artificial. Mas a Effaclar Spotscan faz muito mais que isso.

Effaclar Spotscan: a app que lhe diz como está a sua pele!

Na prática é um serviço pioneiro que pretende ser uma extensão de uma consulta com um dermatologista especializado. Assim, através do Effaclar Spotscan é possível ter um acompanhamento personalizado e um follow-up após o diagnóstico.

A grande inovação passa, precisamente, pelo recurso a inteligência artificial e de que forma é feita uma avaliação do nível da acne. Além disso, o utilizador consegue ter uma noção mais precisa do progresso do tratamento, já que ao olhar-se ao espelho todos os dias,esta perceção muitas vezes acaba por não ser tão fidedigna. Assim, graças ao Effaclar Spotcan é possível evitar uma limpeza excessiva da pele com agentes irritantes, a proliferação bacteriana e as células mortas.

O modo de funcionamento é simples. Basta aceder-se ao site https://pt.spotscan.com ou descarregar a aplicação “Effaclar Spotcan” para o smartphone – gratuita para os sistemas operativos Android e iOS. Depois apenas é necessário captar três fotografias: frontal e perfis direito e esquerdo. A partir daí, o serviço irá analisá-las, localizar quaisquer imperfeições, diferenciando-as e determinar o nível de acne da pele.

Outro aspeto interessante é o simulador Antes/Depois. Deste modo, é possível ter um preview dos resultados esperados com a rotina sugerida e acompanhar o estado de evolução, graças ao Diário da Pele.

Para que esta aplicação tivesse um funcionamento eficaz foi necessário criar um algoritmo avançado. Assim e para treinar o sistema, dermatologistas nacionais e internacionais analisaram mais de seis mil fotografias de homens e mulheres de uma miríade de etnias, tipos de pele e níveis de gravidade da acne, numa escala de 0 a 4+.

Mais informações podem ser encontradas aqui.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Google Fotos: a novidade mais esperada desapareceu sem data!

Em 2019 na conferência da Google conhecemos uma novidade que ia chegar ao Google Fotos. Esta novidade chamava-se Colorize e utilizava a IA para...

Não quer instalar o iOS 15? Veja como continuar a ter updates!

O iOS 15 chegou e veio cheio de funcionalidades. De facto, há muitas e boas razões para mudar! No entanto, há muitas pessoas que...

Gmail: recupere o espaço da sua conta em segundos!

O Gmail é sem dúvida uma excelente plataforma de email. No entanto, partilha do mesmo problema das outras plataformas. Os emails vão-se acumulando, especialmente...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!