Crise de semicondutores: Ainda vai piorar antes de melhorar!

Como deve saber, o mundo da tecnologia está completamente virado do avesso graças a uma crise de produção de semicondutores. Crise essa, que incrivelmente, não se deve a uma quebra na produção, mas sim a uma escalada na procura devido ao impacto da pandemia na vida dos consumidores.

Muito boa gente se viu fechada em casa com TVs antigas, PCs lentos, etc… E por isso, resolveu renovar tudo! Parece que não faz sentido, mas a procura por chips está neste momento 30% acima daquilo que a indústria é capaz de oferecer. Aliás, até já temos algumas indústrias a parar, como é o caso da produção automóvel, de componentes para PCs, e até de TVs e smarpthones.

Contudo, se pensava que as coisas iriam melhorar na segunda metade do ano, ou início do próximo ano… Tire desde já o cavalinho da chuva.



Crise de semicondutores: Ainda vai piorar antes de melhorar!

semicondutores:

Portanto, segundo a TSMC, que é uma das maiores fabricantes de semicondutores do planeta, a crise vai chegar FACILMENTE até 2023. A fabricante já está no máximo das suas capacidades de produção, e ao que tudo indica, a coisa não vai aliviar tão cedo. Ora leia:

“Continuamos a ver uma procura muito alta. Em 2023, esperamos ter uma maior quota de produção para os nossos clientes. Nessa altura, é possível que já exista um pequeno alívio das linhas.”

Entretanto, a TSMC está a pensar investir 30 mil milhões de dólares em novas fábricas e upgrades ainda este ano. Isto enquanto leva os seus processos de produção ao limite, ao produzir no máximo das suas capacidades 24 horas por dia.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também