Caso não saiba, a GTX 1080 Ti foi a rainha das placas gráficas durante muito tempo. Aliás, hoje em dia é ainda uma autêntica besta da performance, mesmo tendo em conta que não tem nenhuma capacidade Ray Tracing. Por isso, acaba por ser interessante meter a antiga rainha da NVIDIA, contra as mais recentes ofertas do mercado, como a RTX 2070 Super e RX 5700 XT.

Portanto, vamos ver um comparativo com 39 jogos, onde a antiga topo de gama, vai ter de se safar contra as novas placas de gama média/alta da NVIDIA e AMD.



PC usado para os testes:

  • Processador: Intel Core i9-9900K
  • Memória: 16GB DDR4-3400MHz
  • Placas gráficas: MSI RTX 2070 Super X Trio | MSI GTX 1080 Ti Gaming X Trio | PowerColor RX 5700 XT Red Devil

Benchmarks

Em suma, como já seria de esperar, a GTX 1080 Ti contínua a ser uma excelente placa gráfica em 2019. Afinal de contas, estamos a falar de uma placa, que na altura do lançamento da RTX 2080 Ti e RTX 2080, disparou nos tops de vendas. Algo que fez todo o sentido, graças à sua ótima performance, e preço mais apelativo da altura.

Contudo, acaba por ser uma comparação muito interessante, devido a todos os utilizadores que acusam a NVIDIA de começar a abandonar as suas placas gráficas mais ‘velhinhas’, em cada novo lançamento de drivers. Ou seja, a grande questão aqui, era se a GTX 1080 Ti tinha começado a perder a corrida para as mais recentes placas Turing como a RTX 2070 Super.

E claro, tendo esses resultados em consideração. Será que ainda vale a pena comprar uma GTX 1080 Ti, nos dias que correm?

A resposta é muito simples… Claro que sim! Se o preço for apelativo. É que apesar da placa gráfica já não ser produzida. O seu preço acabou por não baixar nada por aí além. Ainda assim, é possível encontrar alguns negócios muito interessantes, no mercado de usados.

Em suma, o ideal é ter estes resultados em mente, enquanto compara os preços e decide por si mesmo.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Benchmarks feitos pelo site TechSpot, pode ver a review completa aqui.