‘Comeback’ da Intel já está em marcha! Aposta nos 10nm e 7nm

A Intel passou uns anos complicados, depois de ter adiado o processo de 10nm várias vezes, e começando a cair de forma notória, depois de um regresso da AMD, das cinzas, que nem uma fénix. No entanto, se há coisa que não falta à Intel é dinheiro e talento, por isso, o comeback vai eventualmente acontecer… Aliás, é possível que os planos até já estejam em marcha.

‘Comeback’ da Intel já está em marcha! Aposta nos 10nm e 7nm

Intel 11

Portanto, a Intel está a fazer muito progressos nas linhas de 10nm, ao mesmo tempo que também parece estar a avançar lindamente nas suas linhas de 7nm. Boas notícias, referidas pelo novo CEO da gigante dos microprocessadores, Pat Gelsinger. Novidades que chegam a público na mesma altura, em que apesar de uma crise de chips, a Intel foi capaz de crescer 2% no segundo trimestre de 2021.

Assim, o CEO parece estar muito otimista na parte da produção! Afirmando que a crise deverá deixar de ser um assunto de discussão tão sério nos próximos meses. Ainda assim, para atingir um ponto de equilíbrio entre a produção e a procura, Gelsinger afirma que vão ser precisos pelo menos 2 anos.

Quanto aos processos de produção que aí vêm, a Intel já está a produzir produtos de 10nm em massa! Isto ao mesmo tempo que continua a desenvolver as linhas de 7nm. Que aparentemente, também estão a ter uma taxa de progressão muito satisfatória. Afinal de contas, segundo o CEO, a Intel vai começar a enviar grandes encomendas de chips Alder Lake já baseados no processo de 10nm, nos próximos meses.

Em suma, o comeback da Intel passa por recuperar a ‘coroa’ de líder da indústria da produção de microprocessadores.

Sendo exatamente por isso, que FINALMENTE, os 10nm já foram capazes de ultrapassar as velhinhas linhas de 14nm, em termos de produção de wafers. Curiosamente, à medida que o processo vai ficando mais maduro, o preço por waffer também deverá baixar bastante, com algumas previsões para uma queda de quase 50% no seu preço. O que por sua vez poderá fazer com que a Intel fique ainda mais competitiva no mercado, relativamente ao que a AMD tem para oferecer, em termos de preços.

Entretanto, se não acredita nesta aposta da Intel, fique a saber que a empresa criou uma sub-empresa denominada de Intel Foundry Services! Isto, com o grande objetivo de fornecer chips para empresas de fora. Isto ao mesmo tempo que também fez um grande investimento no Arizona e no Novo México. Ao montar duas novas fábricas de 7nm, e ao atualizar o equipamento de uma terceira.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Oppo Watch 2: afinal há uma versão que tem uma surpresa!

No ano passado a OPPO apresentou o primeiro smartwatch chamado Oppo Watch. Dito isto, este equipamento até teve direito a uma edição especial com...

Mundo dos portáteis abriu os braços aos ecrãs OLED (com 90Hz!)

Gostava de ver ecrãs OLED no mundo dos portáteis? Está lentamente a acontecer! (Graças a fabricantes como a ASUS e a fornecedores como a...

XBOX: segunda metade de Setembro cheia de novos jogos!

A Microsoft está a adicionar muitas novidades ao XBOX Game Pass nesta segunda metade de Setembro e isto são sem dúvida grandes notícias. Especialmente...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!