Alerta! Não ignore estes sete cheiros do seu automóvel! 

Se quer conduzir sem sobressaltos então tem de estar atento aos sinais que o seu automóvel pode dar a qualquer momento. É que isto pode evitar reparações dispendiosas e sobretudo impedir que fique parado na estrada. De facto, não ignore estes sete cheiros do seu automóvel!

Alerta! Não ignore estes sete cheiros do seu automóvel! 

De entre todos os cheiros perigosos há alguns que representam ainda mais perigo. Cheiros como o de plástico ou borracha queimados podem ser sinais de problemas no seu automóvel que custam milhares de euros a reparar.

Vamos dizer-lhe os verdadeiros significados por detrás de alguns dos cheiros. Saber o que cada um deles indica pode ajudá-lo a repará-lo rapidamente e a evitar falhas perigosas.

Os nossos carros podem criar muitos cheiros diferentes e compreender o que significam pode ser a diferença entre manter-se seguro ou ignorar algo que pode ser dispendioso de reparar ou potencialmente muito perigoso.

Ovos podres

Este é um cheiro que ninguém gosta e quando aparece no carro é sinal de problemas. Normalmente esta situação sugere algum tipo de problema com o sistema de escape.

cheiros do automóvel

Se, por exemplo, o conversor catalítico começar a falhar, o carro libertará mais poluentes não filtrados, incluindo sulfureto de hidrogénio, que é responsável pelo aroma a ovo. Os conversores catalíticos são bastante caros, daí serem frequentemente alvo de ladrões, mas o custo não é nada comparado com o preço de uma substituição completa do escape que pode ser necessária se o problema não for resolvido.

Borracha queimada

O culpado mais provável do cheiro a borracha queimada é o sobreaquecimento dos travões, especialmente se tiver estado muito tempo em pára-arranca recentemente.

Muitas vezes, isto anda de mãos dadas com pastilhas de travão gastas, por isso, preste atenção a um som de guincho ou rangido ao abrandar como outro indicador.

barulho nos travões, cheiros do automóvel

Felizmente, a reparação é bastante simples e barata, sendo que um novo conjunto de pastilhas de travão e alguns ajustes ligeiros ao seu estilo de condução são normalmente mais do que suficientes.

Se o cheiro persistir ou se sair fumo de qualquer outra área do carro, mande-o verificar imediatamente.

Óleo queimado

O cheiro a óleo queimado é frequentemente causado por uma fuga de óleo. As linhas de óleo que percorrem o motor são protegidas por todo o tipo de vedantes e juntas, que podem desgastar-se com o tempo e provocar uma fuga. Se sentir um cheiro forte ou se o nível de óleo descer rapidamente, chame um mecânico para dar uma vista de olhos e ver se ele consegue localizar a fuga.

óleo do motor fraco
pouring changing car engine oil

Encoste imediatamente e desligue o motor

Lembre-se de verificar o seu óleo regularmente, de preferência uma vez por semana, e ateste-o quando necessário.

Certifique-se de que nunca o ignora, pois se o seu nível de óleo baixar demasiado, o seu motor pode bloquear e uma substituição custará milhares de euros.

Cheiro doce

Se sentir um aroma adocicado e não tiver bolos no carro, é provável que seja um sinal de um problema grave no motor.

O líquido de refrigeração tem um cheiro semelhante a doces. Seja como for é vital para evitar o sobreaquecimento do seu motor, pelo que uma fuga tem de ser tratada imediatamente.

Mofo ou bolor

Esta é bastante simples: se o seu carro cheira a humidade, provavelmente está húmido. As causas podem ir desde um orifício de drenagem obstruído a um filtro de ar entupido, o que faz do seu motor o local perfeito para a criação de bolor. Não só o cheiro é desagradável, como também pode provocar alergias ou asma nos passageiros.

Felizmente, pode substituir o filtro de ar por algumas libras e, se o problema não desaparecer, mande verificar se o carro tem pontos de humidade.

Odor Metálico

Um forte odor metálico pode ser causado por várias coisas diferentes, mas o culpado mais comum é o desgaste, seja dos travões ou do motor.

alternador do carro está com problemas

Mande verificar o carro profissionalmente antes que o problema mecânico se agrave e se torne mais dispendioso de resolver.

Plástico queimado

Este deve ser um problema relativamente reconhecível, uma vez que o cheiro a plástico queimado é difícil de não notar. Encoste imediatamente e desligue o motor se sentir o cheiro a plástico queimado, pois os problemas eléctricos podem ser um perigo de incêndio.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

Artigos relacionados