Bitcoin está a subir novamente, mas nada de festejos!

Quem investiu em Bitcoin, deve estar um pouco mais feliz depois de 1 mês de emoções fortes, isto depois de cinco dias desastrosos, e de um “crash” de todas as moedas virtuais.

A primeira e mais importante moeda virtual do mundo, Bitcoin, esteve mesmo abaixo dos 6000$ pela primeira vez depois de Novembro de 2017, com as outras moedas a seguir o seu rasto.

Em termos de capitalização de mercado de todas as moedas, o valor total está agora 40% acima do que esteve no dia em que a Bitcoin chegou a valer menos de 6000$(6 de Fevereiro).

Bitcoin

Mas isso já é passado, com todas as moedas no “verde”, com ganhos impressionantes, e a famosa Bitcoin já acima dos 8000$.

Como podem ver na imagem acima, o site CoinMarketCap mostra que todas as moedas têm estado em franca recuperação nas últimas 24 horas:

  • Bitcoin + 15%
  • Ethereum + 31%
  • Ripple + 21%

E ainda outras moedas mais desconhecidas como a NEO e a NEM a ganhar 54% e 45% respectivamente.

A Goldman Sach está preocupada com a correlação entre preços destas moedas, com o Business Insider a explicar:

“A grande correlação entre estas diferentes moedas preocupa-me.”

“Ao contrário do que uma pessoa esperaria num mercado racional, novas moedas não parecem baixar o valor de moedas mais vais velha, todas elas se movem como uma unidade única”

A capitalização de mercado de todas as moedas está muito perto dos 390 mil milhões de dólares, depois de ter descido até aos 325 mil milhões.

Mas é preciso ter em atenção que apesar destas moedas terem tido um inicio de 2018 muito duro, o seu valor é ainda astronomicamente mais alto do que no inicio de 2017, em que a capitalização de mercado total era de 18 mil milhões !

Disto isto, é impossível saber quando o próximo “crash” podeRÁ acontecer, por isso não hipoteque a sua casa para investir. No entanto parece que nem todos os investidores tiveram medo das novas regulamentações na Ásia, com muita gente a aproveitar a queda das moedas, para entrar no jogo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário