De acordo com as estatísticas mais recentes, os smartphones equipados com Windows ocupam atualmente apenas 0,3 por cento do mercado. Entre esse reduzido número de pessoas, encontra-se claro está, Bill Gates, o co-fundador da Microsoft. No entanto, numa entrevista à Fox News, Bill Gates revelou que na realidade as coisas já não são bem assim: oficialmente deixou de utilizar o seu equipamento Windows e passou para um smartphone Android. No entanto, sem nunca especificar qual a marca do dispositivo que está a usar, revelou que está cheio de software da Microsoft.

Esta decisão de Bill Gates não é totalmente estranha uma vez que o sistema operativo da Microsoft nunca teve o sucesso esperado e após o Lumia 950, a própria Microsoft parece ter desistido.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.