Bill Gates diz que o seu maior erro, foi a derrota para o Android

Microsoft Mobile Android

Bill Gates diz que o seu maior erro, foi a derrota para o Android! – O muito famoso co-fundador da Microsoft, tem utilizado a sua reforma, para pensar nos anos em que passou a liderar a empresa, nomeadamente, nas decisões cruciais que tomou, em relação ao seu sistema operativo mobile.

Portanto, foi durante uma entrevista à Village Global, que Bill Gates revelou, que o seu maior erro de sempre, foi o facto da Microsoft ter perdido a oportunidade Android:

Bill Gates

“No mundo do software, particularmente quando estamos a falar de plataformas, existem mercados ‘o vencedor leva tudo’.

Por isso, o meu maior erro de gestão, foi quando a Microsoft não conseguiu ter a visão Android. Ou seja, o Android é a plataforma ‘standard’ para quem não quer um iPhone. E isto era o espaço natural, para a Microsoft atuar.

Existe espaço para apenas um sistema operativo non-Apple, e quanto é que isto vale? 400 milhões de dólares, que poderiam ser transferidos da empresa G(oogle) para a empresa M(icrosoft).”

Caso não saiba, a Google adquiriu o Sistema Operativo Android em 2005, por 50 milhões de dólares

Android

Dito isto, o antigo CEO Eric Schmidt, até admitiu que o foco inicial da Google, era derrotar a Microsoft, enquanto esta apostava no Windows Mobile. Chegando a dizer:

“Na altura, estávamos realmente preocupados com a estratégia Mobile da Microsoft.”

Claro que como toda a gente sabe, o Android acabou por ‘matar’ o Windows Mobile, levando consigo o Windows Phone! Evoluindo para aquilo que é no fundo, o Windows do mundo mobile. (macOS vs Windows 10 no mundo dos PCs, e iOS vs Android no mundo dos smartphones)

Estas declarações de Bill Gates, são no fundo, uma surpresa!

Os entusiastas sempre apontaram o dedo para Steve Ballmer. Afinal de contas, o antigo executivo da Microsoft, até se riu do iPhone, dizendo que era “o telemóvel mais caro do mundo, mas nem teclado tem.

Portanto, é fácil chegar à conclusão, que a antiga gerência da Microsoft, falhou em ver o futuro ‘touch’ do mercado de smartphones….

Aliás, na altura, o Sistema Operativo Windows Mobile, era muito focado em aparelhos com ‘stylus’. O que levou à reunião de emergência de Dezembro de 2008, onde o Windows Mobile foi ‘morto’, para se apostar tudo no Windows Phone. (O que levou à posterior compra da Nokia)

Em suma, tudo isto até faz algum sentido, apesar de Bill Gates não estar envolvido diretamente em algumas decisões da Microsoft, na plataforma mobile. A sua saída, foi exatamente na altura, em que a empresa falhou em apostar ou replicar o Android.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Fonte