ASUS prepara PC com Windows 10 e chipset Snapdragon 1000


Por em

No ano passado, a Qualcomm revelou o que podia estar reservado para os utilizadores no que diz respeito ao mundo dos dispositivos móveis. Com os smartphones a ficarem maiores e melhores, era apenas uma questão de tempo até que a Qualcomm se juntasse à Microsoft para trabalhar em portáteis equipados com um chipset Snapdragon. Já vimos aliás alguns desses modelos com o Snapdragon 835, como o Asus NovaGo. No entanto parece que há mais novidades na manga.

ASUS NovaGo

Segundo o site Winfuture.de, a Qualcomm está a desenvolver um novo processador chamado Snapdragon 1000 especificamente para dispositivos Windows baseados em ARM. Neste momento, os PCs equipados com o Snapdragon 835 da Qualcomm não são realmente comparáveis ​​aos portáteis Intel de gama média que integram um Core i5. Portanto, o novo processador deve ser a resposta deste fabricante para disponibilizar processadores mais rápidos e eficientes em termos de energia para portáteis e conversíveis.

Chipset Qualcomm Snapdragon 1000

O Snapdragon 1000 não se encaixa em nenhuma das linhas atuais da empresa, então é bem possível que a Qualcomm possa anunciar este chipset como uma série em separado. O Snapdragon 4XX, 6XX, 7XX, 8XX estão todos focados em dispositivos móveis, portanto, esta deve ser uma série especial feita especificamente para o mercado de portáteis.

Snapdragon 1000

Embora os detalhes accerca do Snapdragon 1000 sejam ainda escassos, diz-se que o processador estará focado em melhorar o desempenho dos PCs baseados em ARM. Acredita-se também que o Snapdragon 1000 aumente a utilização de energia do CPU para 6,5 ​​watts, acima dos 5 watts do Snapdragon 845.

Focando-nos no equipamento da ASUS, não sabemos neste momento se estamos a falar de um portátil conversível ou mais tradicional. Ainda assim, este fabricante chama-o internamente de Primus. Deverá chegar às lojas no final deste ano ou logo no início de 2018.

O estado atual dos portáteis Windows baseados em ARM é promissor, mas existem problemas. São exemplo disso, as muitas limitações na execução da versão completa do Windows devido ao hardware interno baseado em ARM. De fato, a partir de agora, os dispositivos Windows baseados no Snapdragon 835 vêm com uma versão limitada do Windows S que só pode correr aplicações da loja Windows. Deste modo, terá de atualizar para o Windows 10 Pro (gratuito por agora) para obter a experiência completa do Windows PC.

Fonte

Leia também

Ou veja mais notícias de Hardware

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Etiquetas
Anterior

Samsung Galaxy S10 poderá ter uma configuração de câmara tripla

Sony prolonga a sua parceria com a UEFA Champions League

Seguinte