A Google contou com cerca de 6.000 programadores na 7ª edição do Google I/O, um encontro anual que reúne programadores de todo o mundo. À multidão de programadores que se juntou em São Fancisco (EUA), somam-se ainda outros milhões de pessoas que assistiram ao evento através de live-streaming e nos 597 eventos paralelos que tiveram lugar em mais de 90 cidades, nos 6 continentes.

io1

Este evento surge numa altura em que a Google, bem como a sua comunidade de programadores, vive um momento de grande mudança. Existem atualmente cerca de mil milhões de pessoas no mundo que utilizam o sistema Android. Mil milhões. Estimamos que são enviadas, todos os dias, mais de 20 mil milhões de mensagens de texto. 1.5 bilhões de passos físicos são dados diariamente com um Android. E, o mais importante, uma estimativa de 93 milhões de selfies por dia.

io3

Neste evento, os programadores tiveram a possibilidade de conhecer a previsão do lançamento mais ambicioso do Android. Com mais de 5.000 novas APIs (para os menos entendidos, isto significa Application Programming Interfaces) e uma nova e consistente abordagem de design intitulada Material Design, o principal objectivo é o desenvolvimento da plataforma Android para que os programadores possam trazer para o dia-a-dia dos utilizadores uma experiência mais agradável de envolvimento com os seus dispositivos móveis.

Android 5.0 L

O novo sistema operativo da Google para dispositivos móveis foi uma das grandes novidades, sendo que, de acordo com o gigante dos motores de busca e não só, virá com um novo design completamente diferente do Android 4.4 Kit Kat, denominado Material design e será compatível com sistemas 64-bit.

android-5.0-L

Segundo a Google este sistema operativo terá o dobro do desempenho da versão anterior e será também mais seguro, graças a um novo sistema de autenticação. A isto juntam-se as notificações avançadas e ainda um sistema de gestão da autonomia.

Android no Pulso…

A maioria das pessoas vê o seu telemóvel mais de 150 vezes por dia. A maioria das vezes fá-lo para ler um texto, consultar uma notificação ou ver algum outro tipo de informação. Isso significa muito tempo gasto a desbloquear, trocar e a inserir passwords, quando as suas mãos podiam estar a fazer outras coisas mais importantes.

samsung-gear-211

O Android Wear é uma extensão do Android e do seu ecosistema de apps, que passa agora a estar disponível no pulso. Agora pode aceder às informações de que necessita, tal como se estivesse a usar o seu relógio. Diga apenas “Ok Google” para responder a questões ou para realizar tarefas. Pode ainda receber alertas quando está na hora de sair para um jantar. Chamar um táxi para o apanhar. Ver o trânsito a caminho de um sítio. Enviar uma mensagem a um amigo como se estivesse sentado.

… e no automóvel também

E o que acontece quando está no carro? Muitos de nós queremos estar ligados enquanto conduzimos. Saber direções, consultar informações de trânsito, encontrar a melhor playlist para o momento. Mas, usar os nossos telemóveis para o fazer quando estamos ao volante não é seguro.

android-auto-2

O Android Auto, apresentado aos programadores, trata de tudo pelo utilizador. Apenas tem de ligar o seu telefone Android a um Android Auto e terá tudo aquilo de que necessita nas pontas dos dedos: navegar no Google Maps, ouvir as suas playlists ou as suas estações de rádio através do Play Music, pesquisar através de um controlo de voz e até aceder a lembretes do Google Now. Tudo isto é acessível a partir dos controlos do carro e, mais importante, de forma muito mais segura do que manusear o telefone no carro. Irá começar a ver o Android Auto em carros no final deste ano.

Chromecast e Android TV

No verão passado, a Google lançou o Chromecast, um  dispositivo pequeno que permite ver vídeos online, ouvir música ou ver qualquer outra informação que esteja na internet, na televisão. Este produto está agora melhorado, permitindo, por exemplo, a outras pessoas utilizarem a sua TV sem ser preciso estar na mesma rede WiFi, ou até dando a possibilidade de ver, na sua televisão, aquilo que está a acontecer no telemóvel Android ou no tablet.

Google-Cast

Agora, para além do Chromecast, a Android TV transforma a sua televisão comum numa Smart TV. Poderá usar a voz para encontrar um programa de televisão, um filme do Google Play, ou ainda um vídeo do YouTube. Mais, porque é Android, tal como o Chromecast, será possível jogar os seus jogos preferidos, redesenhados para serem utilizados na televisão e controlados por um gamepad.

android-TV

Android One – Android para todos

A Google está a trabalhar com parceiros numa solução abrangente – que inclui plataformas hardware de referência – para atender às necessidades tecnológicas existentes nos mercados emergentes. O Android One quer fornecer smartphones de qualidade superior, a um preço acessível e com baixas tarifas de dados.

Novidade para empresas – Drive for Work

O Google Drive for Work foi a grande novidade anunciada para a área empresarial. Trata-se de um novo produto que inclui armazenamento ilimitado, relatórios avançados de auditoria e novos controlos de segurança, por 8 euros mensais por utilizador.

Esta ferramenta inclui o Google Apps Vault, a nossa solução dedicada à procura e descoberta de conteúdos por motivos de cumprimento normativo, ampliando-se, assim, a todos os conteúdos guardados no Drive, onde se incluem Documentos, Folhas de Cálculo e Apresentações, para além de qualquer outro tipo de arquivo.

Google-Office

A quantidade de dados criados pelas empresas têm aumentado de ano para ano, crescendo mais 10, 100 ou 1.000 gigabytes por colaborador. Com esta nova solução, as empresas têm armazenamento ilimitado para todos os seus colaboradores e podem guardar arquivos até 5 TB de tamanho, um volume que nenhum dos computadores de escritório nem os portáteis atualmente no mercado podem guardar nos seus discos rígidos.

Foi integrado ainda o Quickoffice nos Documentos, Folhas de Cálculo e Apresentações da Google, para que possa abrir e editar estes documentos em modo de compatibilidade com o Office diretamente no Android e no browser Chrome e, num futuro próximo, também em iOS. Não tem de comprar mais software nem decidir como vai abrir o arquivo. Para editar os arquivos do Office apenas tem clicar ou tocar no ecrã do Drive no seu computador, tablet ou telemóvel.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.