Apps fazem do Android o sistema mais vulnerável de 2019!


Por em

Não há dúvidas que o sistema operativo Android é o mais popular do mundo. No entanto é também o sistema mais vulnerável. Isto não é algo estranho. É que esta plataforma, ao contrário do iOS, tem de correr numa grande variedade de equipamentos. Isto cria problemas. Para além disso, como é tão utilizada há sempre programadores e utilizadores mal intencionados a tentarem criar ameaças que permitam a invasão dos dispositivos. É que deste modo terão acesso a diversa informações confidenciais e podem inclusivamente acompanhar movimentos e conversas.

Apps fazem do Android o sistema mais vulnerável de 2019!

A equipa da TheBestVPN que analisa diversos sistemas VPN que existem no mercado realizou um estudo e de acordo com os resultados de 2019, o sistema operativo Android é líder no número de vulnerabilidades. Assim, no ano passado, foram descobertas 414 vulnerabilidades. Mas a situação não é assim tão problemática. É que segundo os especialistas, o número de vulnerabilidades está a diminuir constantemente. Então, se em 2017 foram encontrados 843 “portas abertas”, até o final do ano passado este número foi reduzido para a metade. Entretanto, durante toda a existência do Android, houve 2563 vulnerabilidades.

sistema mais vulnerável

Os especialistas concordam que o problema não está no sistema operativo, mas nas aplicações que obtêm acesso aos ficheiros do sistema. Isto para além dos componentes de hardware. Por exemplo, uma falha recente que afetou milhões de dispositivos Android deveu-se a falhas no firmware dos chips MediaTek.

MediaTek 5G

Entretanto, a Google tem o compromisso de melhorar a segurança do seu sistema, lançando regularmente patches de segurança. A empresa também acredita que o número de bugs corrigidos neste SO não é um indicador da segurança da plataforma. Na verdade, este é o resultado da natureza aberta do Android.

Ainda a propósito disto, a Google corrigiu recentemente 71 falhas de segurança no patch de março de 2020. A empresa de Mountain View corrigiu 48 falhas relacionadas com os chips fornecidos pela Qualcomm. O boletim também menciona várias falhas relacionadas com o desbloqueio por impressão digital e à ligação USB de smartphones Android.

Leia também

Ou veja mais notícias de Featured

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Anterior

Aplicações da AnTuTu desapareceram da Play Store? Porquê?

(Especial) Deixar espaço livre no SSD para ter mais performance?

Seguinte