Apple lança Powerbeats Pro em novos países – Portugal incluído


Por em

A Apple passou a comercializar em Portugal e em mais 22 países os seus novos phones sem fios Powerbeats Pro. Tal como nos outros mercados em que já são vendidos, no período de lançamento só estarão disponíveis em preto. No entanto, estarão depois disponíveis versões com acabamentos em Verde-Musgo, Azul-Marinho e Marfim.

Os novos auscultadores são os primeiros phones Beats in-ear totalmente sem fios da Apple, e estão equipados com o chip H1.

Ou seja, é o mesmo chip que equipa os AirPods de segunda geração. Desse modo, a Apple garante compatibilidade com “Hei Siri” e velocidades de ligação mais rápidas entre o iPhone, Apple Watch.

Cada auricular permite o controlo individual do volume e da faixa. Ao mesmo tempo, a ligação ao dispositivo pode também ser feita de forma independente em cada phone. Incluem ainda acelerómetro de voz e microfones, para focar a voz do utilizador e filtrar o ruído de fundo.

Tal como os Powerbeats3, os Powerbeats Pro têm adaptadores de orelha ajustáveis ​e pontas de ouvido com quatro tamanhos disponíveis.

Podem ser vistos como AirPods para prática desportiva, com um design mais durável, resistência ao suor e à água.

Cada auricular tem autonomia de até nove horas por carga. Adicionalmente, essa autonomia pode ser alargada para 24 horas combinadas, usando a caixa de carregamento incluída com o modelo.

Assim, os novos auscultadores Beats sem fios da Apple passam a estar disponíveis em 29 países. No início de maio foram lançados nos EUA e Canadá; algumas semanas depois chegaram ao Reino Unido, França, Alemanha, Austrália e China; e desde dia 12 é comercializado em Portugal, Áustria, Bélgica, República Checa, Dinamarca, Espanha, Finlândia, Hungria, Hong Kong, Irlanda, Itália, Japão, Holanda, Noruega, Nova Zelândia, Filipinas, Rússia, Singapura, Suécia, Suíça, Tailândia, Turquia e Emirados Árabes Unidos.

Por fim, os novos Powerbeats Pro – Totally Wireless são vendidos em Portugal por €249,96, valor cobrado na maioria dos países europeus. O modelo tem tido baixa disponibilidade no mercado, com tempos de entrega entre os 10 e os 20 dias.

Fonte

Leia também

Ou veja mais notícias de Apple, Música, Cinema e TV

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Anterior

TicWatch Pro 4G: Aumento de performance brutal!

Google tem minijogo de ténis escondido na página de pesquisa

Seguinte