(Análise – PS5) Sackboy: É mesmo uma grande aventura!

Numa altura em que a PlayStation 5 ainda não tem aqueles exclusivos de referência que fazem as consolas desaparecer do stock de qualquer loja. (Não que isto tenha impedido aquele que é o lançamento mais bem sucedido de sempre da Sony). É inegável que temos um catalogo de lançamento bastante interessante, onde claro está, podemos encontrar Sackboy: A Big Aventure! Um jogo que à primeira vista parece pouco importante, mas que na realidade poderá ser uma das chaves para o sucesso a longo prazo da consola de nova geração da gigante Japonesa.



(Análise – PS5) Sackboy: É mesmo uma grande aventura!

sackboy:

Portanto, o mundo dos jogos é hoje em dia muito mais que o pessoal nos seus 10, 20 ou 30 anos. Temos um público super-alargado de jogadores, e como tal, uma consola tem de ter jogos para tudo e todos. Por isso, ter um jogo que é na verdade para toda a família, pode fazer maravilhas para uma consola com a grande missão de dominar o mundo dos videojogos nos próximos 6~7 anos.

Mas Sackboy não é apenas isto, é também um excelente jogo de plataformas, que foge a uma das maiores armadilhas do género… Simplificar demasiado a jogabilidade!

Pois bem, ainda se lembra de LittBigPlanet? Sackboy tira um pouco das folhas do manual do velhinho jogo, ao mesmo tempo que leva o género para um nível completamente novo. Ao juntar boa jogabilidade a uma imersão simplesmente brutal graças ao trabalho dos atores que emprestam a sua voz ao projeto, e ao carinho que os developers puseram em cada nível.

A História

sackboy:

Esta componente do jogo é obviamente muito simples, com todo o planeta a ficar sob o perigo iminente de um vilão denominado de Vex, uma personagem que tem o único intuito de criar o pânico e o pandemónio. No entanto, como já deve ter adivinhado, todos os esforços do vilão terão de ser contrariados por Sackboy, o aventureiro que iremos controlar.

Em suma, como Sackboy, vamos ter uma gigantesca aventura à nossa frente, para salvar todo o mundo. Para isso, temos de guiar Sackboy por vários mundos, colecionando uma parga de Dream Orbs, para por sua vez desbloquear novas áreas. Curiosamente, no meio de todo o salvamento, podemos personalizar a nossa personagem de várias maneiras, com tudo aquilo que escolhemos a aparecer nas partes cinemáticas do título.

Jogabilidade

sackboy:

A história é simples, o foco do jogador também, os gráficos estão muito interessantes, mas como dissemos em cima, a jogabilidade está num nível diferente, e ainda bem que assim é.

Afinal de contas, se quiser conquistar os muitos desafios do jogo, vai ter de dominar as habilidades de Sackboy, o que poderá não ser fácil à primeira vista, visto que temos várias mecânicas à nossa escolha, cada uma delas sendo uma forma de interagir com todo o mundo à nossa volta. Assim, é possível dar ‘chapadas’, ‘rebolar’, ‘saltar’, ‘saltar e cair com estrondo’, etc…

Temos o potencial de interagir com tudo o que está à nossa volta, naquilo que é um mundo completamente vivo e pronto a receber-nos de braços abertos. Aliás, podemos dizer que cada nível é distinto do outro, com muito detalhe à mistura, devido à atenção e gosto que os developers puseram no seu trabalho.

A maneira como podemos jogar fica ainda mais potenciada com o suporte ao co-op! Onde poderá ajudar os seus amigos (ou sabotar muahaha), como bem entender. Afinal de contas, estamos a falar de níveis especiais onde tem mesmo de existir trabalho de equipa! Caso contrário, não existe chance de obter o tão desejado sucesso. Estamos a falar de coisinhas como ser preciso uma personagem para atirar outra para outra plataforma, carregar em botões ou puxar cordas ao mesmo tempo. A diversão vai ser mais do que muita!

Conclusão

Sackboy: A Big Adventure é como o nome indica… Uma grande aventura!

Sendo também o jogo mais ‘diferente’ da atual biblioteca de títulos disponíveis para a PlayStation 5. Em suma, é um jogo de lançamento de luxo, com muitas horas de diversão para oferecer a si, aos seus amigos e à sua família.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Microsoft vai mesmo apostar no Surface Duo 2! Vale a pena?

Quando a Microsoft anunciou originalmente o seu Surface Duo, o mundo dos smartphones tremeu! Afinal de contas, a gigante Norte-Americana, que no passado até...

(Análise) Corsair M65 RGB Elite: Diferente do resto!

Já perdi a conta ao número de ratos gaming que me passaram pelas mãos, que na verdade, são todos farinha do mesmo caso... É...

Google Fotos: a novidade mais esperada desapareceu sem data!

Em 2019 na conferência da Google conhecemos uma novidade que ia chegar ao Google Fotos. Esta novidade chamava-se Colorize e utilizava a IA para...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!