(Análise) Motherboard ASUS ROG Strix Z690-E: Tem tudo!

(Análise) Motherboard ASUS ROG Strix Z690-E: Como deve saber, a gigante Intel lançou uma nova gama de processadores no final de 2021, onde conseguiu trazer algumas novidades para cima da mesa ao nível do suporte a tecnologias inovadoras e sem rival, como é o caso do suporte aos padrões PCIe 5.0 e DDR5. Tudo isto num pacote, que claro está, como é já tradição, na gama mais alta, não compromete qualquer tipo de qualidade de construção ou funcionalidade de qualquer tipo.

Muito resumidamente, normalmente, quando a Intel ou AMD lança uma nova gama de processadores, a ASUS é sempre uma das marcas que temos debaixo de olho, e desta vez, as coisas não foram mesmo diferentes. Afinal de contas, a ROG Strix Z690-E Gaming WiFi é facilmente uma das melhores motherboards que poderá comprar para montar a sua nova máquina.

(Análise) Motherboard ASUS ROG Strix Z690-E Gaming WiFi

Z690-E
Estes são os componentes chave da máquina baseado na nova geração Intel Core 12000. (Na foto falta a placa gráfica RTX 3070 Ti)

Portanto, antes de mais nada, temos de salientar o que mudou!

Assim, com a geração 12000 dos processadores Intel Core, temos de dar as boas vindas a um novo socket, o LGA 1700, que por sua vez, também abre as portas ao suporte aos standards PCIe 5.0, Thunderbolt 4, DDR5 RAM, etc… Além de tudo isto, a grande maioria das motherboards Z690 da ASUS também estão equipadas com Wi-Fi 6 (neste caso, até temos o mais recente Wi-Fi 6E), Bluetooth 5.2, entre muitos outros extras sempre bem vindos. (Lista de Especificações completa aqui.)

Claro que esta motherboard não é barata, fazendo parte da gama alta da plataforma LGA 1700, baseada no chipset Z690. Mas claro está, também é dinheiro bem investido, se quer muitas e boas funcionalidades. Ora leia:

  • Suporte a processadores Intel Core 12th Gen, Pentium Gold, Celeron
  • 18+1 Power Stages // 8+8 ProCool II // Condensadores de alta qualidade
  • Design Térmico Otimizado para aguentar os novos padrões de armazenamento
  • Conectividade sem fios de nova geração (Wi-Fi 6E) 2.5Gb Ethernet (com LANGuard).
  • Foco no gaming! (HDMI 2.1, DisplayPort 1.4, 5 slots M.2 (com placa ROG Hyper incluida), USB 3.2 2×2 Tipo-C
  • Controlo Inteligente (AI OC, AI Cooling, AI Networking)
  • Silenciosa
  • Flashback
  • RGB
  • Áudio de Qualidade (ALC4080 com amplificador Savitech SV3H712, DTS® Sound Unbound e Sonic Studio III)

Qualidade de Construção e Design

Z690-E

Z690-E

Esta é inegavelmente uma das motherboards mais sólidas e robustas que tive o prazer de testar. Tudo é super premium, especialmente quando reparamos na forma como os componentes são alimentados.

Afinal de contas, é preciso não esquecer… A motherboard é um dos componentes mais críticos de qualquer máquina, onde nos tempos que correm, na gama alta, iremos ter um processador de 400~800€, RAM de 200~300€, e claro, uma placa gráfica de 800~2000€. Tudo tem de ser bem alimentado, e bem cuidado! Por isso, é de valorizar a forma como a ASUS implementou aqui um sistema de fornecimento de energia de 18+1 fases, com um outro sistema de refrigeração igualmente poderoso para acompanhar.

Aliás, um dos pontos chave desta motherboard é mesmo o cuidado na escolha e montagem de cada componente, como são os condensadores de alta qualidade e dissipadores VRM.

Sim, os novos Intel Core 12000 são quentes, mas a ASUS ROG Strix Z690-E nunca mostrou ter grandes dificuldades.

É também uma motherboard com os olhos virados para o futuro no campo do armazenamento.

Se por acaso é como eu, e tem mais SSDs NVMe do que slots disponíveis, não há que enganar! Ao fim ao cabo, o que não falta é espaço para montar SSDs super rápidos, com 2 slots PCIe 4.0, e um outro slot PCIe 5.0. Mas a coisa nem fica por aqui, é que temos uma surpresa dentro da própria caixa da motherboard, na forma de uma placa de expansão M.2 (ROG Hyper) incluída com a motherboard.

Performance

Z690-E

No campo da performance, é inegável, temos aqui uma motherboard de gama alta, pensada para o melhor que a Intel tem para oferecer, ou seja, o Core i9-12900K. Um processador poderoso, mas também esfomeado no campo da energia, e por vezes, demasiado quente.

Em suma, a Intel puxou a sua tecnologia ao máximo, mas a ASUS não ficou atrás com esta motherboard.

Entretanto, no campo da personalização e usabilidade, também temos um excelente apoio na forma de uma BIOS robusta.

A ASUS tem sempre BIOS muito interessantes, ao conseguir meter um grande leque de opções, numa interface fácil de perceber e de navegar. O que na nossa opinião, faz com que a Z690-E Gaming seja uma motherboard de sonho, para qualquer gamer/entusiasta, que queira tirar todas as gotas de sumo do seu hardware.

Conclusão

Z690-E

Em suma, e no geral, a ASUS ROG Strix Z690-E Gaming WiFi é uma das melhores alternativas do mercado caso queira dar o salto para a mais recente gama de processadores da Intel. Especialmente se estiver a olhar para a gama mais alta (i7 e i9).

Afinal, temos muita conectividade com e sem fios, design apelativo, boa qualidade de construção, e como é costume da ASUS, muita atenção ao detalhe. Não há mesmo que enganar.

Z690-E

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo, relativamente ao lançamento da Intel.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Últimos artigos

Gosta de Vikings na Netflix? Nem sabe a novidade que temos!

É inegável o facto de que Vikings foi talvez um dos projetos de maior sucesso já disponíveis na Netflix até aos dias de hoje....

Nova série da Netflix vai ter um dos melhores atores de Hollywood!

Se existe algo que a Netflix faz e que os fãs adoram verdadeiramente, isso é sem dúvida nenhuma algumas adaptações de filmes e série...

Ator confirmou e vem aí terceiro filme! Mas de qual estamos a falar?

Costuma-se dizer que quando mais antigos são os filmes, melhor acaba por ser o conteúdo. E a verdade, é que até existe muito sentido...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!