A AMD já não tinha tanto mercado desde 2006

Não é novidade para ninguém que a AMD está a passar por um bom bocado, especialmente no mundo dos processadores para PC. Mas tem noção do quão bom está a ser?

É que segundo novas informações (Mercury Research), a AMD atingiu a maior quota de mercado no mundo dos PCs Desktop, desde 2006. Ou seja, desde 2006, que foi provavelmente a época de ouro da empresa, que a AMD não vendia tanto, e não tinha tantos PCs equipados com o seu hardware. (Atenção, estamos apenas a contar com o mercado tradicional. Não estamos a contabilizar os processadores EPYC e Threadripper).

A AMD já não tinha tanto mercado desde 2006

ryzen, amd, clocktuner

Portanto, a AMD tem agora 16.9% do mercado tradicional de consumo nas suas mãos, a maior desde o muito distante ano de 2006. Um número que representa uma subida de 7.3% ano-após-ano, ou seja, relativamente ao mesmo periodo do ano passado.

Entretanto, se contarmos com os processador empresariais, a AMD fica pelos 15.8%, representando um ganho de 4.1% ano-após-ano. Afinal, a empresa tem nas suas mãos 11.6% do mundo dos servidores, que ao contrário do mercado convencional, demora sempre mais tempo a atualizar e a adaptar as suas plataformas, daí o crescimento ser mais lento.

Curiosamente, apesar do crescimento da AMD, devido às dificuldades de produção, a fabricante está optar pelas margens de lucro, em vez da quota de mercado.

Ou seja, como não tem capacidade de produção, está a apostar nos produtos mais poderosos, mais caros, e por isso com maiores margens. Caso contrário, se a AMD estivesse a apostar nas gamas mais baixas, é bem provável que a sua quota de mercado fosse significativamente superior a estes números agora divulgados.

É uma dificuldade que a AMD tem, e provavelmente vai ter durante muito tempo. Afinal de contas, a totalidade da sua gama de produtos vem das linhas de produção da TSMC. E ao que tudo indica, os próximos processos de 5nm, 4nm e 3nm, vão ter mais clientes além da própria AMD e Apple… Afinal, a Intel também está com muita vontade de roubar quota de produção, conseguindo o melhor processo de produção, ao mesmo tempo que traz mais dificuldades para a rival.

Fonte

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Windows 11 Build 22000.194 (KB5005635) já está disponível!

O Windows 11 Build 22000.194 (KB5005635) está disponível para todos os que estão inscritos no programa Windows Insider. Não é o maior update do...

Memória RAM DDR5 vai desiludir no início do seu ciclo de vida

Como deve saber, a memória RAM DDR5 está prestes a chegar ao mercado! De mãos dadas com a nova família de processadores Intel Core...

Sir Clive Sinclair: morreu o grande pai do ZX Spectrum!

Hoje é um dia triste, especialmente para quem é fã do Spectrum ou teve a sorte de conviver com este computador fantástico. É que...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!