Ryzen 3000

A AMD está a ter um ano de 2019 fantástico, mas isto já não é grande novidade para ninguém… Mas tendo isto em conta, parece que a empresa não está disposta a tirar o pé do acelerador nos próximos tempos. Afinal de contas, a CEO Dr. Lisa Su acabou de confirmar que a empresa vai lançar os processadores de nova geração Ryzen 4000 no início de 2020.

AMD já confirmou! Os novos Ryzen 4000 chegam no início de 2020

Lisa SU

Portanto, numa recente conversa com a VentureBeat, a CEO da AMD (Lisa Su) explicou a situação, dizendo:

“Estamos muito entusiasmados com a chegada de 2020. Vamos começar a ver a próxima geração de produtos mobile AMD, no início do próximo ano. Vamos também começar a ver vários chips de 7nm no mercado mobile, que ainda não chegaram. Além disso, vamos também ter a chegada da arquitetura Zen 3, que está a correr muito bem. Temos uma mão cheia de produtos!”

Em suma, já sabemos que os processadores Ryzen 4000 ‘mobile’ vão chegar ao mercado bem no início do ano. E ainda bem, visto que os atuais processadores para o mercado de portáteis são ainda baseados na arquitetura Zen+ do ano passado (Apesar de serem denominados de Ryzen 3000). Dito isto, os CPUs Ryzen 4000 para Desktop deverão chegar um pouco mais tarde, provavelmente com um anúncio na Computex 2020 em Junho.

AMD já confirmou! Os primeiros Ryzen 4000 chegam no início de 2020 – Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte


CFO da Intel falou dos 10nm, dos 7nm… E claro, do crescimento da AMD!

Intel

O CFO da Intel (George Davis) teve uma entrevista com a Barron’s deveras interessante. Onde não só falou da saúde financeira da empresa, como também falou um pouco de 2019, e como a Intel está a lidar com o presente mas também o futuro que se aproxima muito rapidamente.

Os 10nm da Intel estão a caminho! (Será?)

O plano atual da Intel é mudar aos poucos para o afamado processo de produção de 10nm. Ou seja, por enquanto, a empresa vai apostar no processo para os processadores mobile e processadores para o mercado empresarial. Enquanto continua a contar com os ‘velhinhos’ 14nm para o mercado desktop e entusiasta.

Leia o resto do artigo aqui.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.