Quer ser feliz? Então comece por abandonar o Facebook!

Foi revelado um novo estudo realizado pelas universidades de Stanford e Nova York. Com muitos aspetos curiosos à mistura revela o que acontece quando as pessoas abandonam o Facebook durante um mês. Consegue adivinhar?

O novo estudo envolveu pessoas que passam, pelo menos, uma hora por dia no Facebook

Através do Facebook, a equipa de investigação recrutou 2.488 pessoas. Estes indivíduos utilizam diariamente esta rede social durante, pelo menos, uma hora por dia.

Primeiro avaliaram a “disposição” destas pessoas para desativarem a sua conta durante um mês. Depois escolheram os participantes para uma categoria experimental. É nesta categoria que estão as pessoas que desativaram as suas contas. Por outro lado eram comparados com um grupo de controlo que não o faria.

o Facebook

Ao longo da experiência de um mês, os investigadores foram-se assegurando que tudo estava em conformidade verificando os perfis dos participantes.

O estudo descobriu melhorias no bem-estar das pessoas que deixaram o Facebook. Ao mesmo tempo descobriram que o grupo que abandonou este espaço online acabou também por gastar menos tempo noutras redes.

o Facebook

Assim passaram a dedicar mais tempo às atividades off-line, como passar tempo com amigos e família e ver televisão!

O grupo que desativou a sua conta no Face também relatou menos tempo gasto noutras rede social. Isto após o hiato imposto pelo estudo. Assim, a ruptura pode ter ajudado a criar outros hábitos.

Menos tempos nas rede sociais = pessoas menos influenciáveis

Há outra conclusão interessante neste estudo. Apesar dos participantes que abandonaram o Facebook terem relatado que acabaram por andar menos informados, também acabaram por começar a mostrar mais resistência à capacidade destas redes sociais nos influenciarem.

O impacto das redes sociais no cérebro

Numa era de ameaças omnipresentes que fazem algumas pessoas pensarem em deixar a maior rede social do mundo, a verdade é que na maioria das vezes não temos ideia do que nossos hábitos on-line estão a causar aos nossos cérebros e comportamento.

Considerando isso, também não sabemos o que acontece quando nos afastamos dos ambientes sociais, como o Facebook, e damos descanso aos nossos cérebros.

Embora não fosse um estudo com milhões de participantes, este estudo forneceu uma boa visão acerca do que podemos ter a ganhar se fizermos uma pausa.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

iPhone 13 Pro Max vs Galaxy S22 Ultra: quem resiste mais?

O lançamento de novos smartphones significa novos testes. Enquanto alguns são mais calmos e limitam-se ao normal, outros são mais perigosos. Pelo menos para...

Especial – O que é uma TV Box? É uma porta aberta para o IPTV!

É muito provável que já tenha ouvido falar de aparelhos denominados de TV Box, Box Android, ou Smart Box, por essas Internets fora. Pois...

Windows 10: atenção desative agora mesmo estas opções!

É verdade que o Windows 11 está quase a chegar. No entanto ainda há muitas pessoas que estão a utilizar o Windows 10 e...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!