A tempestade de poeira em Marte mudou completamente o planeta

Lembra-se da gigantesca tempestade de poeira que surgiu em Marte no final de maio? Sim, bem, ainda continua. O que se pensava ser uma pequena tempestade numa região isolada do planeta, já engoliu toda a totalidade de Marte, e a NASA acabou de disponibilizar um vídeo que demonstra o quanto a tempestade mudou a planeta.

Ventos de alta velocidade levantaram tanta poeira na atmosfera que Marte não parece mais uma bola de pedra com faixas coloridas, mas sim uma esfera nebulosa com coloração quase uniforme por toda parte.

A NASA sabe que estes tipos de tempestades que ocorrem no planeta acontecem de vez em quando – normalmente a cada seis a oito anos terrestres – no entanto ainda não se sabe como acontecem. É que este tipo de coisas não acontecem aqui na Terra e como tal a comunidade científica está a dedicar algum tempo a estudar este assunto.

“O simples facto de uma tempestade local aumentar e desencadear algo que cobra quase todo o planeta é simplesmente notável”, afirma Rich Zurek, um cientista que trabalha com o Mars Reconnaissance Orbiter.

Esta é uma grande tempestade de poeira e, depois de vermos estas imagens, não é de admirar que a sonda Opportunity da NASA tenha sido forçada a ficar parada à espera de melhores dias. O robô tem estado num modo de preservação de baixa energia há semanas, apenas acordando de vez em quando para verificar os seus níveis de energia e verificar a quantidade de luz solar que atinge os painéis solares.

A NASA continua a verificar a tempestade o melhor que pode, mas não há como dizer quanto tempo vai demorar até que as coisas acalmem. Pode levar semanas ou meses até que o céu esteja limpo novamente, e não saberemos do destino do Opportunity até que o Sol possa alcançar a superfície do planeta mais uma vez.