A Intel vai mesmo apostar na retro-compatibilidade nos próximos CPUs

A Intel nunca foi muito fã de apostar na retro-compatibilidade entre plataformas, preferindo sempre (ou quase sempre) lançar uma nova gama de chipsets para que as parceiras enchem as prateleiras com novas motherboards… O que claro está, significa mais dinheirinho do bom a entrar no cofres da empresa. No entanto, agora que a AMD fez o impensável ao dominar o mercado de processadores Desktop, talvez seja boa ideia mudar um pouco a estratégia de forma a voltar a ganhar a confiança dos utilizadores.

Ao fim ao cabo, como deve saber, a plataforma AM4 da AMD suporta quase toda a gama de processadores Ryzen, desde a primeira geração de 2017 até à nova geração que deverá sair no fim do ano, na forma dos Ryzen 4000 baseados na arquitetura Zen 3.



A Intel vai mesmo apostar na retro-compatibilidade nos próximos CPUs

Intel retro

Portanto, este nem é o primeiro indício que a Intel irá mesmo apostar na retro-compatibilidade entre as gerações Intel Core 10000 e Intel Core 11000. Visto que algumas motherboards Z490 já trazem suporte (limitado) ao standard PCIe 4.0, algo que apenas deverá ser útil na próxima geração de CPUs.

Ainda assim, apesar de ser algo que já todos estamos a contar, é sempre bom ver a primeira menção oficial de uma fabricante relativamente a este assunto! Visto que a MSI deixou escapar o suporte aos processadores ’11th Gen “Rocket Lake-S’ no manual da uma motherboard H410.

Entretanto, é esperado que esta nova gama de processadores seja capaz de fazer tremer a AMD! Visto que apesar do processo de produção ser exatamente o mesmo (14nm), a arquitetura vai ser agora completamente nova, deixando a velhinha Skylake para trás. (A arquitetura foi originalmente pensada para o processo de 10nm, mas foi entretanto adaptada às linhas de produção de 14nm)


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Produção de chips vai ser demasiada em 2023. Queda de preços?

Segundo a IDC, o mercado de semicondutores vai crescer 17.3% durante o ano de 2021! Um número muito superior ao do ano passado, que...

Windows 11: PC Health Check Tool está de volta!

A Microsoft passou os últimos três meses a testar a aplicação PC Health Check Tool para o Windows 10. Lembro que é uma aplicação...

VLC 3.4 para Android: a versão que vale mesmo a pena instalar!

O VLC é sem dúvida um dos melhores leitores multimédia e tem a vantagem de estar disponível para todas as plataformas. Para além disso...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!