A Intel desistiu de liderar… O plano atual é seguir o que a TSMC fizer!

A Intel desistiu de liderar… O plano atual é seguir o que a TSMC fizer! – O CEO Bob Swan disse recentemente ao público que os 7nm da empresa deverão ser equivalentes aos 5nm da TSMC. Além disto, também afirmou que os 5nm também deverão ser equivalente aos 3nm da rival.

Ou seja, a mesma exata conversa que andámos a ouvir acerca dos 10nm da Intel que também eram mais densos em relação à oferta da rival AMD! Que curiosamente já anda a meter os processadores Intel no bolso desde Julho com o processo de 7nm da TSMC… Entretanto, a Intel ainda não lançou os 10nm (talvez nem o venha a fazer), enquanto continua a apostar nos idosos processos de 22nm e 14nm.

Em suma, o CEO da Intel sabe que as coisas não estão famosas para a empresa, apesar de toda a basófia que a fabricante teima em mostrar publicamente.



Intel desistiu? Afinal de contas, Bob Swan sabe muito bem que a empresa já não lidera o mercado de produção de chipsIntel

Apesar da conversa acima mencionada, a verdade é que os 7nm da Intel apenas irão chegar ao mercado em 2021! Enquanto a TSMC já tem a data de lançamento dos 5nm marcado no seu calendário do ano de 2020.

Isto já para não falar que os 7nm da Intel em 2021 pode ser apenas uma estimativa… E não uma data de lançamento final. Aliás, em boa verdade, se tivermos os 10nm como exemplo, então lá para 2024 vamos ter os 7nm da empresa no mercado.

De líder para seguidor/imitador?

Como é óbvio, uma das missões do CEO da Intel é garantir aos consumidores e parceiros que a empresa ainda é competitiva. Especialmente agora que a TSMC está a impressionar tudo e todos com as suas linhas de produção.



Dito isto, apesar da afirmação da Intel de que os seus processos são mais ou menos equivalentes aos da rival serem completamente verdadeiros. A verdade é que os 7nm da TSMC já estão cá fora nas mãos dos consumidores em 2019, enquanto a Intel continua a apostar nos 14nm para os seus produtos de alta performance.

Entretanto, na segunda metade de 2020 já vamos ter iPhones com SoCs de 5nm, CPUs/GPUs de 5nm da AMD, etc… Algo que a Intel só vai conseguir fazer alguma coisa contra em 2021, com o processo de 7nm. (Que pode nem chegar nesta altura, a data pode ser apenas uma estimativa.)

Então e a segurança contra as vulnerabilidades?

Swapgs

Infelizmente, os problemas da Intel não estão apenas naquilo que a TSMC é capaz de fazer atualmente. Afinal, a empresa também está bem atrás da AMD em relação à segurança e firmware, como podemos ver na descoberta de vários vulnerabilidades nos últimos meses.

Caso não saiba, a Intel está a ganhar a guerra das vulnerabilidade 15 para 1… O problema é que neste jogo, ganhar é terrível.

Ainda assim, a Intel continua a ser uma empresa bastante maior que a AMD e TSMC combinadas. Por isso, existem muitos recursos e talento para dar a volta! O problema é se a coisa não acontece tarde mais para a gigante azul dos microprocessadores.


A Intel desistiu de liderar… O plano atual é seguir o que a TSMC fizer! – Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário