718 dias depois a nova nave espacial americana regressou à Terra


Por em

Depois de mais de 2 anos no espaço, a mini nave espacial, não tripulada, da força área norte-americana aterrou com sucesso no centro espacial Kennedy. Lembramos que este foi o quarto voo deste veículo e nesta última missão esteve 718 dias em órbita do nosso planeta.

Decorria o ano de 1999, quando a Boeing iniciou este projeto secreto com o nome de código X-37B em colaboração direta com a Nasa. Originalmente, este veículo reutilizável tinha como principal objetivo reparar satélites em órbita. No entanto, em 2004, este programa foi classificado como secreto e entregue à Força Área dos Estados-Unidos.

Desde 2010, esta nave espacial tem efetuado vôos orbitais de teste. Segundo alguns especialistas, o X-37 pode estar a ser utilizado tanto para testar novas tecnologias como na entrega de satélites de reconhecimento no espaço. Potencialmente, estas naves espaciais podem ser equipadas com armas, mas o Pentágono garante que isto não faz parte dos planos.

A X-37B é a nova e mais avançada nave especial reutilizável que ao contrário das naves espaciais comuns que utilizam hidrogénio líquido e reagentes de oxigénio líquido para gerarem eletricidade, aposta na energia solar.

Mais voos estão programados para 2017.

Leia também

Ou veja mais notícias de Fora da Caixa

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.