Review: Shuttle DS67U

26270
0
Share:

A Shuttle é um fabricante bem conhecido de todos aqueles que estão por dentro do mundo dos computadores de pequena dimensão. Foi inclusivamente, a primeira marca a nível mundial a desenvolver o primeiro computador comercial de pequenas dimensões e tem-se destacado por diversas inovações nesta área. A Leak testou o DS67U e nas próximas linhas contamos-lhe tudo.

Resumidamente, o DS67U consiste num minicomputador de dimensões reduzidas, que embora pequeno, apresenta caraterísticas muito interessantes. Sendo o modelo que corresponde à entrada de gama, possui um processador mais modesto, um Intel Celeron 3855U Dual Core, mas que é suficiente para as tarefas do quotidiano e até para ser utilizado como Media Center.

dsu100

O Conjunto

Dentro da caixa está tudo aquilo que é necessário para o computador funcionar. Temos o transformador, o CD com os drivers para diversas versões do sistema operativo Windows, incluindo o 10, duas antenas Wi-Fi que se encaixam na parte traseira do computador e os parafusos e suportes necessários à instalação. O DS67U pode ser utilizado na vertical ou fixado na parte traseira de um monitor. Todos os acessórios estão incluídos para ambos os efeitos e nem os parafusos foram esquecidos.

02

Memória

Ao nível da memória, o DS67U suporta SO-DIMM (a memória utilizada nos computadores portáteis) DDR3L entre os 1300/1600MHz. É possível utilizar 16GB por slot (tem dois) e instalar até um máximo de 32GB.

05

A instalação

A instalação dos componentes necessários para este minicomputador funcionar, nomeadamente a memória e o disco SSD é um processo extremamente simples. Para efetuarmos essa instalação apenas necessitamos de desapertar dois parafusos com uma chave de estrela. Ao retirarmos esses parafusos vemos de imediato as áreas destinadas à instalação. A memória é instalada com toda a facilidade, como se tratasse de um computador portátil. Instalar a SSD é tão fácil como a encaixar.

04

06

Conetividade

O DS67U disponibiliza diversas opções de conetividade. Na parte frontal encontramos duas portas USB 2.0, outras duas USB 3.0, leitor de cartões de memória e ainda duas portas de comunicação. Estas portas de comunicação que já são raras na maioria dos computadores atuais, estão presentes a pensar nos utilizadores que queiram aproveitar este equipamento a nível empresarial e mais concretamente para a ligação de diversos dispositivos muito específicos. Importa salientar que na parte frontal o utilizador encontra ainda os indicadores de energia e atividade de disco e o botão que permite ligar o computador.

sub2

Na parte traseira estão presentes duas portas Ethernet Gigabit RJ45 que permitem a utilização de duas redes diferentes, uma porta HDMI, uma porta Display Port, mais duas portas USB que são sempre muito bem-vindas para a ligação de diversos acessórios, entrada de microfone e saída de som. Destacam-se ainda a presença de dois conetores para as respetivas antenas Wi-Fi.

subs1

O Sistema Operativo

À semelhança do que acontece com a grande maioria dos computadores, é possível instalar-se qualquer sistema operativo. De base, a Shuttle disponibiliza os controladores para os sistemas mais utilizados pelos utilizadores, nomeadamente Windows 7/8/10. No nosso caso e para efetuarmos a análise, optámos por instalar o Windows 10.

Para se proceder à instalação e uma vez que não existe qualquer leitor de DVD integrado, existem duas opções. Ou liga-se um leitor externo que foi o método que utiizámos ou se usa uma pen drive com o sistema operativo.

A instalação é extremamente rápida e em poucos minutos o Windows está pronto a funcionar. Todos os componentes foram detectados automaticamente pelo sistema operativo e não existiu a necessidade de estarmos a instalar qualquer controlador manualmente.

O Desempenho

Para efectuarmos os testes de desempenho a este mini-computador utilizámos os seguintes componentes, alguns dos quais já vêm de base, como é o caso da motherboard Shuttle DS67U e do processador Intel Celeron 3855U que opera a 1.60GHz.

Instalámos assim um módulo de memória Kingston com 8GB PC3-12800. O armazenamento ficou a cargo de uma SSD da Toshiba, Q300, com uma capacidade de 220 GB.

As imagens abaixo revelam alguns detalhes acerca do processador, memória e placa gráfica.

01 02 03 04

Efectuámos também alguns testes de desempenho utilizando o CPU-Z.

05

Abaixo podem verificar como o processador que vem integrado no DS67U se compara com outros modelos.

06

Posteriormente e para verificarmos o funcionamento deste computador de forma mais minuciosa optámos por utilizar o PC Mark 8 Professional Edition, onde o DS67U obteve uma classificação de 2352 Marks.

07

Multimédia

Depois de termos ficado muito agradados com o potencial do Shuttle DS67U enquanto computador pessoal para utilização diária, quisemos ver como ele se comportava na função de Media Center. Para o efeito utilizámos uma Televisão 4K da LG e ligámos este mini-computador à rede doméstica utilizando uma ligação por cabo, graças aos Powerline da Devolo 1200+, uma vez que o DS67U se encontrava um pouco afastado do router. É certo que poderíamos ter utilizado uma ligação WiFi, mas uma vez que pretendíamos testar o streaming de conteúdos, achámos por bem utilizar uma ligação por cabo.

Posteriormente instalámos a versão 16.1 do Kodi e fomos analisar como o sistema se comportava ao nível da reprodução vídeo.

Foi absolutamente fantástica a forma como este equipamento se comportou. Inclusivamente, no que diz respeito à visualização de conteúdos 4K não notámos sequer um soluço. O mesmo aconteceu ao nível do áudio, independentemente da qualidade ou formato do ficheiro. Todos os ficheiros foram reproduzidos sem qualquer problema. Vídeo fluído, excelente qualidade de imagem, um must!teste

Conclusão

Ficámos extremamente agradados com o DS67U, pelo facto de disponibilizar um elevado desempenho com dimensões tão compactas e semelhantes a um simples leitor de DVD para computador. Não possui ventoinha, sendo por isso totalmente silencioso e consome apenas 15W de energia, pelo que não terá um impacto significativo na fatura mensal da luz.

 

exA versão que testámos do DS67U vem com o processador dual core Intel Celeron 3855U que embora modesto é mais do que suficiente para que este equipamento seja utilizado no dia-a-dia para trabalhar, ou como media center. Para além destas funções garante ainda um desempenho interessante para jogar. Desde que não abuse na resolução, nem na qualidade dos detalhes (opte pelo nível médio), vai conseguir jogar alguns dos jogos mais recentes sem problemas.

Por tudo o que referimos anteriormente, o Shuttle DS67U é um equipamento totalmente recomendado e aprovado pela Leak.

Preço: 278 Euros (com IVA concluído)

Mais informações podem ser encontradas em http://global.shuttle.com/news/productsDetail?productId=2008

Share:
Bruno Fonseca

Leave a reply